| CIDADE

FIQUE EM DIA: CONTRIBUINTES TÊM ATÉ O DIA 31 PARA REGULARIZAR DÉBITOS COM A PMP

Negociações podem ser feitas de segunda a sábado, das 9h às 16 | Divulgação Com estrutura especial de atendimento montada no clube Petr...

sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

COM REPASSES ATRASADOS, LAR DE CRIANÇAS EM CORRÊAS PEDE AJUDA PARA PAGAR 13º


O Lar de Crianças Nossa Senhora das Graças, localizado em Corrêas, vem passando por uma situação financeira complicada, agravada ainda pela crise que se instalou nos governos estadual e municipal, que não estão repassando as verbas previstas para o pagamento dos mais de 30 funcionários da instituição, entre monitores, psicólogos, cozinheiros e assistentes sociais, entre outros.  No fim do mês de novembro, os trabalhadores chegaram a fazer uma rápida paralisação em protesto contra o atraso dos salários, que chegou a sete meses. 

Segundo a gerente do abrigo, Luciana Márcia da Conceição, após muita pressão, com queixas feitas ao Juizado de Menores e ao  Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente - CMDCA, a prefeitura acenou com o pagamento dos salários de alguns meses, porém colocou empecilhos.

"Para justificar o atraso no pagamento, disseram que não apresentamos a prestação de contas, o que é mentira. Tenho toda documentação autenticada para mostrar. Com com os salários atrasados e sem ter como buscar outros meios de renda, precisamos da colaboração dos amigos e da sociedade petropoliana neste momento delicado", disse.

No momento, o atraso no repasse chega a três meses e, sem ter como buscar outros recursos para quitar os salários, o Lar resolveu lançar uma campanha de arrecadação on line, utilizando para isso um site de crowdfunding, no qual qualquer pessoa pode doar  valores entre R$ 10 e R$ 450.
Para ajudar basta acessar o site https://www.kickante.com.br/campanhas/acao-entre-amigos-dos-funcionarios-do-lar-0 e fazer sua doação.

Fundado em abril de 1957, o Lar de Crianças Nossa Senhora das Graças, é uma entidade beneficente de assistência social que abriga crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, que são encaminhadas pelo Juizado da Infância e da Juventude da Comarca de Petrópolis e pelo Conselho Tutelar após serem retiradas da guarda de seus pais ou responsáveis por motivos diversos, que variam de negligência, abandono familiar, violência física, sexual e exploração sexual.
O Lar, que funciona na Rua Carvalho Junior, em Correas, é a única Instituição mista do município que não permite separação de irmãos.

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI