quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

APÓS MAIS DE VINTE ANOS, BOSQUE DO IMPERADOR RECEBE MANUTENÇÃO


Contemporâneo de Koeler, o paisagista parisiense Jean Batista Binot projetou o Bosque do Imperador para ser um local de passeios de D. Pedro II. Localizado em meio a um dos conjuntos arquitetônicos mais importantes da cidade – Museu Imperial, Palácio Grão Pará, Correios e Colégio Pedro II –, a Praça do Bosque está sendo revitalizada pela prefeitura depois de anos de abandono em gestões anteriores. Mais do que jardinagem, o Bosque do Imperador, vai ganhar segurança reforçada e atenção no trânsito, valorizando todo o complexo.

“Os aparelhos histórico-culturais como o Bosque, que têm o Palácio Grão-Pará como uma construção importantíssima para a cidade, estavam encobertos por vegetação inadequada, com canteiros descuidados, com lixeiras quebradas, sem segurança. Estamos devolvendo aos petropolitanos uma cidade como ela deve ser: cuidada”, afirmou o prefeito Bernardo Rossi.

O Palácio Grão Pará, tombado em 1959 pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), prédio em estilo neoclássico de 1861, acabou, ao longo dos anos, deixando de ser valorizado com intervenções em seu entorno que expusessem a sua beleza.

No Bosque do Imperador, a Companhia Municipal de Desenvolvimento de Petrópolis (Comdep) fez a revitalização dos jardins, com plantação de novas mudas, limpeza, melhorias nas bombas do chafariz e troca da água, conserto dos bancos de madeira e manutenção daqueles feitos de concreto.  Os bustos e monumentos da praça também vão passar por limpeza e revitalização.

Já a Guarda Civil vai aumentar a frequência de rondas periódicas no local, mantendo a operação “Lugar de criança e adolescente é na escola”, que já vem atuando na região há duas semanas. A meta é, nos próximos meses, basear uma dupla de guardas para fazer o patrulhamento da praça.

“Todas as praças estão sendo revitalizadas na cidade. Começamos pela Praça da Liberdade e já fizemos no Bosque do Imperador. Também vamos para a Praça da Águia, da Inconfidência, de Cascatinha, de Nogueira. Estamos olhando com carinho para esses locais que são tão importantes e recebem tantas pessoas. O Bosque do Imperador não recebia a devida atenção, algo que já mudamos”, disse o presidente da Comdep, Wagner Silva.

As melhorias devolveram ao local mais luminosidade natural. “Mesmo assim, reforçamos a segurança do local. Além do trabalho já feito com a ronda escolar, agora vamos desenvolver o patrulhamento constante para fazer com que os frequentadores se sintam à vontade no Bosque”, comentou o chefe da Guarda, Jeferson Calomeni.


ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

PESQUISA POR MATÉRIAS