ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

DEFESA CIVIL INICIA CAPACITAÇÃO DE MILITARES PARA A CAMPANHA "XÔ, MOSQUITO!"


Agentes da Defesa Civil estão capacitando os soldados do 32° Batalhão de Infantaria Leve - Batalhão Dom Pedro II - para atuar na campanha "Xô, Mosquito".As ações organizadas no combate ao vetor transmissor da dengue, zika e chikungunya, integradas ao Sistema Nacional de Proteção e Defesa Civil (SINPDEC) aplicadas no âmbito municipal, estão sendo detalhadas com os militares. Até o momento, os agentes de endemias que trabalham na campanha “Xô Mosquito” já identificaram 258 possíveis focos do mosquito Aedes aegypti. Mais de 5.000 imóveis já foram visitados em toda a cidade. Os treinamentos, organizados pelo diretor administrativo da Defesa Civil, capitão Sirlei Gomes, acontecem no auditório do Batalhão durante essa semana.


“Estamos trabalhando em conjunto, preparando os militares que vão atuar nas escolas da cidade”, disse o secretário de Defesa Civil, coronel Paulo Renato Vaz. “A participação do Exército, que de pronto aderiu à campanha, mostra a importância que devemos dar ao assunto. Existe uma preocupação com o número de casos de chikungunya no Rio de Janeiro. Como estamos próximos à capital, vamos redobrar a atenção e a atuação preventiva, de combate ao mosquito”, concluiu.

“O Exército tem que estar pronto para atuar de forma integrada com o município”, afirmou o comandante do 32° Batalhão de Infantaria Leve, tenente coronel Ronald Mandim, lembrando que no Rio de Janeiro a participação dos oficiais na campanha de combate ao mosquito é muito grande. “Começamos a fazer em dezembro, nas escolas municipais, e agora estamos ampliando o trabalho, chegando às escolas estaduais e particulares”, explicou.

Desde o princípio da campanha, as equipes já passaram por 26 Centros de Educação Infantil (CEIs), levando a importância da prevenção a mais de mil pessoas entre alunos e professores. A campanha conta também com o apoio da Cruz Vermelha, que doou 200 repelentes que estão sendo distribuídos durante as visitas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente esta notícia