| CIDADE

FIQUE EM DIA: CONTRIBUINTES TÊM ATÉ O DIA 31 PARA REGULARIZAR DÉBITOS COM A PMP

Negociações podem ser feitas de segunda a sábado, das 9h às 16 | Divulgação Com estrutura especial de atendimento montada no clube Petr...

sexta-feira, 31 de março de 2017

SECRETARIA DE SAÚDE INICIA VACINAÇÃO VOLANTE EM ÁREAS RURAIS

A Secretaria de Saúde apresentou aos representantes dos 800 produtores rurais do município, um esquema de vacinação que proporcionará um cinturão de imunização nas áreas rurais do Vale das Videiras, Bonfim, Secretário, Cuiabá, Caxambu, Posse e Lajinha. A expectativa é que cerca de 4 mil pessoas sejam imunizadas. As famílias que moram em áreas de difícil acesso receberão em casa, uma equipe do PSF ou UBS referenciado nos bairros para aplicar a vacina.  Uma reunião entre o prefeito Bernardo Rossi e 14 produtores rurais, presidentes de associações, foi realizada na terça-feira à tarde (21.03), para demonstrar como será a operação.  Com 50 postos e unidades abertos para vacinação, o balanço de pessoas imunizadas chegou, nesta terça-feira, a 20,7 mil pessoas que procuraram os postos desde sábado, primeiro dia de imunização.

O prefeito Bernardo Rossi explica que a ação é uma orientação do Ministério da Saúde e da Secretaria de Saúde do Estado que prevê a imunização total de pessoas que moram próximo às matas e áreas rurais. A prefeitura terá o apoio do Exército, Aeronáutica e Cruz Vermelhas para cumprir cronograma de imunização.

“Nossa vacinação é preventiva e priorizamos a imunização no cinturão verde do município. Identificamos que em alguns bairros há a dificuldade de acesso da população aos postos, por conta disso, iremos iniciar a vacinação em casa para os moradores dessas áreas”, anuncia Bernardo Rossi.
O técnico da Emater/RJ – Empresa de Assistência Técnica de extensão rural, José Kleber Cytramgole Rayol, destacou que a ação da prefeitura de Petrópolis é uma referência para outros municípios.
“É importantíssimo os produtores serem convocados para auxiliarem e opinarem quanto a distribuição das doses, pois assim, conseguiremos ter a certeza da imunização das famílias em todas as áreas rurais”, avalia José Kleber.

Um dos bairros que terá a vacinação volante esta semana é o Bonfim que conta com seis micro áreas no limite com o Parque Nacional da Serra dos Órgãos. A expectativa é que mais de 1.500 pessoas sejam imunizadas na localidade.

O produtor rural Paulo Artur Almeida da Silva, 49 anos, chegou a tomar a vacina na segunda-feira (20.03) no posto de saúde do bairro, mas afirmou que a iniciativa será importante para àqueles que residem em áreas dentro do parque.

“Eu fui até o posto para tomar a vacina porque tenho facilidade de acesso. Mas há um grande número de famílias que precisariam de ajuda para ir até lá, então, vai ser importante a prefeitura proporcionar isso”, disse o produtor.

O presidente da Appri – Associação dos Produtores Rurais de Itaipava, Márcio Ferreira, revelou que há 30 produtores cadastrados e cerca de 280 pessoas que trabalham diretamente nas áreas rurais em Itaipava.

“Nós contabilizamos os produtores, mas há um grande número de funcionários contratados, os vendedores que atuam na região e suas famílias. Por conta disso, esse diálogo é importante para criarmos um cronograma de vacinação que contemple a todos”, revelou Márcio Ferreira.
Os bairros Quitandinha e Araras também tem previsão de vacinação volante por serem áreas com adensamento de mata. O secretário de Saúde, Silmar Fortes, comentou que o cronograma de ações está sendo definido de acordo com as demandas dos bairros.

“Cada bairro está identificando a necessidade de atuação de acordo com os atendimentos prestados nos postos. Se há alguma dificuldade de acesso, nós levaremos a vacina até o morador. O que vale ressaltar é que essas são as doses iniciais de um cronograma de imunização para todo o ano”, afirma Silmar Fortes.






ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI