ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

quinta-feira, 13 de julho de 2017

PROCON PETRÓPOLIS PROMOVE PALESTRA SOBE "DIREITOS E DEVERES DO CONSUMIDOR" PARA A RUA TERESA

Cerca de 50 pessoas entre empresários, vendedores e estudantes de Direito participaram da palestra sobre Direitos e Deveres do Consumidor, realizada pela equipe de atendimento do Procon Petrópolis na Rua Teresa. O objetivo foi apresentar o que preconiza o Código de Defesa do Consumidor (CDC) no que tange às relações de consumo. O encontro foi o primeiro de uma série de palestras de orientação voltada aos empresários.

A chefe de atendimento do Procon, Mara Albuquerque, tratou do direito à informação, a garantia de produtos, o pós-venda, preços diferenciados, troca, responsabilidade do fornecedor mediante vício de produtos e práticas consideradas abusivas. A maioria das dúvidas dos participantes do encontro foram sobre valores diferenciados para compras no cartão e dinheiro, obrigatoriedade de troca e preços aplicados em promoção. O encontro durou quase duas horas e foi realizado na sede da Associação da Rua Teresa (Arte).


“Esse encontro foi de estrema importância para esclarecer a fundo os direitos e deveres junto aos estabelecimentos comerciais. Acreditamos que, com isso, vamos a curto e médio prazo diminuir os conflitos entre empresas e consumidores, que é o objetivo do prefeito Bernardo Rossi. Vamos prosseguir com o circuito de palestras – uma vertente inédita da história do órgão”, explica o coordenador do órgão, Bernardo Sabrá.

Lojista há quase 20 anos na Rua Teresa, Josiane Madureira, que participou da palestra, explica que teve problemas com um consumidor há uma semana e que a possibilidade de esclarecimento sobre o tema aconteceu em boa hora. “Esse tipo de palestra é essencial porque no dia a dia acabamos tendo muitas dúvidas sobre o assunto e ter acesso direto ao órgão que esclarece essas questões nos auxilia muito, pois o consumidor tem seus direitos, mas também suas obrigações”, destaca.

A vendedora Cláudia Rodrigues também elogiou a palestra e avaliou positivamente o encontro. “A palestrante foi muito objetiva nas suas respostas explicando exatamente como funciona o código de defesa do consumidor. Isso é bom porque temos mais base na hora de conversar com um cliente sobre alguma questão”, destaca.