sexta-feira, 7 de julho de 2017

SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL ABRE INSCRIÇÕES PARA CONFERÊNCIA

A Prefeitura de Petrópolis, por intermédio da Secretaria de Assistência Social, abriu as inscrições para 11ª Conferência Municipal de Assistência Social que acontecerá nos dias 14 e 15 de julho na FMP/Fase. Os candidatos à ouvinte poderão se inscrever pelo site da Prefeitura até o dia 13 de julho ou pessoalmente no dia do evento. Já os que desejarem ser delegados precisarão se dirigir à sede do Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS), localizado na Av. Barão do Rio Branco, nº 2846, até o dia 10 de julho.

 O encontro promovido em parceria com o Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS) tem como objetivo garantir os direitos e o fortalecimento do Sistema Único de Assistência Social além de buscar a efetividade em um trabalho integrado entre município e entidades Sociais.

A Conferência foi dividida em quatro temas: A proteção social não contributiva e o princípio da equidade como paradigma para a gestão dos direitos socioassistenciais; a gestão democrática e controle social: o lugar da sociedade civil no SUAS; o acesso às seguranças socioassistenciais e a articulação entre serviços, benefícios e transferência de renda como garantia de direitos socioassistenciais e a legislação como instrumento para uma gestão de compromissos e corresponsabilidades dos entes federativos para a garantia dos direitos socioassistenciais.

 “Em maio debatemos alguns desses temas na Audiência pública que realizamos e foi de extrema importância, pois gerou pautas a serem discutidass na conferência de julho bem como para contribuir para as políticas públicas do município na área da assistência”, disse a secretária de Assistência Social, Denise Quintella.

 No encontro também serão eleitos os 36 delegados que representarão as propostas do município na Conferência Estadual que ocorrerá ainda neste semestre no Rio de Janeiro. A presidente do Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS), Jaqueline Cleffs reforçou a importância das instituições enviarem os seus representantes.

“O delegado da Conferência tem a atribuição de discutir e deliberar sobre a temática do evento, para isso, o mesmo deve conhecer o tema, os avanços e os desafios que o município deverá alcançar para os próximos anos. O objetivo final é propor políticas públicas para o município. Todos os delegados têm direito a voz e voto, já os ouvintes e convidados têm apenas o direito à voz”, explica Jaqueline Cleffs.
 A secretária de Assistência Social reforça a importância de a população participar da Conferência para não só propor as ações de melhorias, mas também conhecer os serviços ofertados pelo município.
 “Nós vamos apresentar todos os nossos equipamentos e os profissionais que têm a responsabilidade de amparar pessoas que de alguma forma não têm total acesso à cidadania, ajudando-os a resolver problemas ligados a educação, habitação, emprego, saúde. Dividimos a conferência em temas de fácil entendimento para gerar um debate construtivo entre todos os envolvidos”, disse Denise Quintella. ​

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

PESQUISA POR MATÉRIAS