ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

quarta-feira, 19 de julho de 2017

SECRETARIA DE SAÚDE ESTUDA APRIMORAR PROGRAMA ACADEMIA DA SAÚDE

A Secretaria de Saúde está viabilizando um estudo de aprimoramento do Programa Academia da Saúde. O objetivo é que as unidades instaladas no Parque Cremerie, Parque Municipal de Itaipava, Castelo São Manoel e Vale do Carangola proporcionem atividades para toda família, da criança ao idoso. Seguindo as diretrizes do Ministério da Saúde, o programa visa fortalecer as ações de promoção da saúde em articulação com a Estratégia da Saúde da Família e a Vigilância em Saúde.

Um diagnóstico sobre o funcionamento dos polos foi apresentado pela coordenação da Academia da Saúde ao secretário Silmar Fortes, em reunião nesta segunda-feira (17.07). As quatro unidades inauguradas no ano de 2016 apresentam problemas de má conservação nas fachadas entre outros problemas de infraestruturas. Com a dívida herdada pela gestão anterior de R$ 97,4 milhões (HST, HAC, HCC, UPAS, fornecedores, salários/tributos) a Secretaria buscará apoio em parcerias para viabilizar algumas melhorias.

“Atualmente não temos dinheiro para investir em melhorias na estrutura já que estamos passando por um momento de austeridade. Então vamos buscar parcerias junto à iniciativa privada ou atém mesmo junto a outras secretarias para tentarmos viabilizar esses reparos além do apoio da Guarda Civil em rondas para conter os atos de vandalismos no Vale do Carangola”, avalia Silmar Fortes.

Pela nova reestruturação, a Saúde propõe que a academia além de oferecer atividades físicas e práticas corporais, possa proporcionar ações de prevenção e promoção em saúde com dicas de alimentação saudável, busca por mais qualidade de vida através de ações culturais adaptadas aos bairros de acordo com as necessidades de crianças, jovens, adultos e idosos.

“Precisamos mobilizar a comunidade, hoje temos o serviço ofertado, mas não temos o público estimado para as atividades. Precisamos resgatar o objetivo fim da academia da saúde que é diminuir o número de hipertenso daquela região, o grau de obesidade, promover atividades culturais, workshops. Tornar o espaço voltado para a família e não apenas um público específico”, anuncia o secretário de saúde, Silmar Fortes.

A coordenadora do programa Academia da Saúde, Márcia Verônica Ferreira, disse que atualmente a academia com o maior número de alunos é a do Cremerie com 287 anos que oferece BioPilates, natação, hidroginástica, aulas de alfabetização, tricô, crochê, pinturas em tecido, dança circular e manicure.

“Em contrapartida em Itaipava temos 79 alunos já que a infraestrutura do espaço não está adequada. No Vale do Carangola são 170 alunos e, no Castelo, 160 com aulas de Zumba, ginástica, alongamento, capoeira e entre outras atividades. Nossa meta é formar uma equipe multiprofissional atuante e criar metas e estratégias para aumentarmos o número de alunos por unidades”, explica Márcia Verônica.

O Programa Academia da Saúde foi criado pela Portaria Ministerial nº 719 e tem como principal objetivo contribuir para a promoção da saúde da população a partir da implantação de polos com infraestrutura, equipamentos e quadro de pessoal qualificado para a orientação de práticas corporais, atividades físicas e de lazer e modos de vida saudáveis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente esta notícia